segunda-feira, janeiro 17, 2011

último poema.





o sonho é um origami determinado pelo vento.
assim renasceu e há-de morrer.

Foto: grulla.

designed by Roman Diaz and Daniel Naranjo

diagrams: origami for interpreters - Roman Diaz

quarta-feira, dezembro 22, 2010

terça-feira, setembro 21, 2010







...que ainda não sei bem o que estou aqui a fazer...além de deixar um pato...



sábado, abril 17, 2010

menina

(anseios de liberdade e espaço.
erros humanos ou de sistemas






correcção





percepção da realidade: visão.






Ou apenas.








Talvez as revoluções tenham morrido à nascença.






ventos e silêncio.







incógnita .





nem quer








observando o que o mesmo lhe traz.

sujeito.








pequenas doses
decide viver





terra de ninguém..


.




A bailarina de fumo.
[não sei o que os vossos olhos vêem.
eu vejo uma bailarina que não existe.
de fumo]





sábado, março 20, 2010


Livros, sorrisos, abraços calorosos, surpresas boas,

três dedos de conversa ou mesmo uma mão cheia...

encontros e reencontros...